Arquivo da categoria: Costura

Tempo para bordar

Ola!

De vez em quando eu escolho um gráfico grande para bordar. Claro que adoro os bordadinhos menores porque rapidamente vemos o resultado, além de ser mais difícil que ele vire um UFO (ET dentro do armário, ou trabalho não terminado, rsrsrs). Maaaaaaaas, de vez em quando eu enlouqueço e começo um desses gráficos enformes, que quase ninguém tem coragem de bordar!

Já encarei alguns…. Bailarina, mapa mundi, “Os girassóis” do Van Gogh, presépio

De uns tempos pra cá tenho pensado em fazer novamente um trabalho como esses. Sempre quiz bordar a ultima ceia, do Da Vinci. Pesquisei alguns gráficos e me apaixonei por esse.lastsupper01

Como é um trabalho especial, decidi usar um linho  de Guimarães, Portugal, que me foi presenteado pela Simone. Normalmente não marco o tecido antes de bordar, mas para trabalhos como esse, é preciso marcar direitinho, pra não ter perigo de dar errado, caso contrario, será muito trabalho perdido.

Esse tem 140 x 370 pontos. O maior que já encarei ate hoje!

Deseje-me sorte! 🙂

Beijinhos!

Mudança em processo

Mudei de casa, ou apartamento, no caso. Ou seja, sumi porque estava tentando colocar tudo mais ou menos em ordem no apartamento novo… Não, não consegui ainda.

Confesso que estou meio melancólica esses primeiros dias. Acho que ainda não me despedi do apartamento antigo. Ta difícil fazer isso… Gosto de verdade de lá. Mas tive que deixá-lo fisicamente. Como é o novo? É um bom apartamento, mas ainda não se tornou minha casa, entende? Até tenho mais espaço pro meu quarto de costura, mas acho que precisamos, eu e o apartamento, de mais tempo pra sermos um do outro…

Enquanto isso, o bordadinho do HUG me acompanha nos primeiros dias no novo apartamento. E vamos dando tempo ao tempo pra que as coisas se acomodem…
20140218-203339.jpg

I’m back!

Olá!

Quanto tempo não? Andei meio sem animo pra escrever por aqui, confesso. Coisas que acontecem. Mas estou de volta e pretendo ficar, com o compromisso de vir aqui e, mesmo que não escreva, mostre pelo menos as fotos do que tem rolado por aqui no meu quarto de costura. 😉

Em 2014 resolvi retomar alguns projetos de ponto cruz que tinham ficado parados. O primeiro a ser retomado foi o par de quadrinhos KISS & HUG. O KISS já estava pronto desde 2011, se não me engano. Lembro que foi bem cansativo bordar o KISS, mas resolvi fazermos HUG sem pressa, no tempo que der. Então resolvi encarar e colocar a mão na massa, ou melhor, nas agulhas! 😉

Olha como já está! O “H” já está quase terminado!

20140128-093853.jpg

Projeto do coração

Olá!

Já falei aqui algumas vezes de um projeto do qual participo com muito amor e orgulho, o Bonequeiras sem Fronteiras. Se quiser saber mais detalhes, como funciona é próximas ações, passa lá no blog do grupo!

20130922-180147.jpg
Nesse fim de semana fiz alguns bichinhos pra mandar para os próximos projetos do grupo. Sempre é muito gostoso fazer bonecas, bichinhos ou qualquer outra coisa pra esse projeto. Levar amor para crianças ou idosos só faz bem a nossa alma.

Beijinhos!

O começo

Olá!

Algumas semanas atrás tive a notícia de que vou ganhar uma nova sobrinha, a Marina. 😀

Logo que soube da novidade, fiquei louca pra começar a bordar alguma coisa especial pra ela, mas não sabia o que…

Conversa vai, conversa vem com a minha irmã e minha mãe, surgiu a idéia de passarinhos.

Começa então a busca pelo gráfico. Olha aqui, olha acolá, optei por um muito fofo, com dois passarinhos cantando que encontrei no Etsy.
20130817-171113.jpg
Antes de começar o trabalho, é preciso preparar tudo. Não costumo alinhavar o tecido antes de bordar, mas para trabalhos um pouco maiores, isso facilita.

Depois, separei as linhas que vão ser usadas. Essa parte é gostosa porque as cores já vão dando os tons do trabalho. E então, organizei o gráfico.

Como ele não é colorido, tive que me utilizar de uma estratégia para facilitar a execução do trabalho. 😉
20130817-171220.jpg
Agora é só alegria! Quase nada esta pronto, mas prometo mostrar a evolução desse bordadinho para vocês!

E como você faz antes de começar um trabalho? Algum ritual?

Beijinhos!

Um novo ajudante!

Olá!

Sou apaixonada pelos filmes infantis que vem sendo feitos nos últimos 15 anos. Desde Procurando Nemo e Fuga das galinhas a um dos mais recentes Meu malvado favorito.

Desde que assisti a esse filme, me apaixonei pelos fofos Mínions. Mas como não se encantar com essas criaturinhas?
20130813-073631.jpg
No filme, eles são fiéis ajudantes do não tão malvado Gru e eu “precisava” de um desses aqui no quarto de costura! 😉

Resolvi fazer uma peça piloto. Alguns ajustes precisam ser feitos, mas pelo menos o meu mais novo ajudante já esta aprontando por aqui! Em breve outros mais devem aparecer por aqui! 😉
20130813-072649.jpg
Beijinhos!

Ratinhos e uma tábua de passar

Olá!

Incrível como algumas semanas sem atualizar as coisas por aqui fazem os assuntos acumularem! Melhor, certo? Teremos encontros mais breves! 😉
20130801-205306.jpg
Estou numa vibe forte de ponto cruz! Eu já estava “namorando” esses ratinhos da Margaret Sherry desde que descobri os gráficos fofos dessa incrível designer. Estou bordando o terceiro, o que completa o trio. Ainda não sei o que serão nem pra onde irão. Depois vou decidir. 😉
20130801-205316.jpg
De qualquer forma, é um grande prazer bordar os gráficos da MS. Os bichinhos quase saltam do tecido de tão reais e fofos que são! Adoro!!!
20130801-210156.jpg
Além dos ratinhos em ponto cruz, algumas semanas atrás, motivada por um desejo antigo e o aniversário de uma amiga que gosta de craft também, resolvi fazer uma tábua para passar pra mim e outra para presenteá-la.
Com a ajuda da minha mãe, pesquisei vários modelos na internet. Pena que não fotografei o passo a passo das tábuas que fizemos… Essa é a minha:
20130801-211543.jpg
Mas vou explicar: usamos uma tábua de madeira fininha mesmo, pra ficar leve. Cobrimos com forro pra banco de carro, que é fofinho. Depois cobrimos com um pedaço daquelas capas térmicas de tábua de passar (a metalizada que ajuda a esquentar) e por último, pra ficar mais charmosa, cobrimos com um tecidinho de algodão. Tudo com cola mesmo, já que a madeira era fina e não permitia grampos. Até agora, cerca de um mês depois, não descolou! Espero que continue assim! 😉

Beijinhos!